segunda-feira, 24 de abril de 2017


Cheguei despida 
Aproximei-me de ti
Só a alma me vestia
e um pouco de amor,
Nos olhos, um pequeno sonho
Na boca, a sede do gosto doce de mel
Nas mãos, uma dor que escorria,
No corpo a paixão que envolvia
Murmurei baixinho ...
Cheguei igual magia
Cheguei pra ficar...

Que todo dia ao acordar e deitar pra dormir,
ele ouça eu dizer o seu nome baixinho nas minhas preces, 
e sorria daquele jeito bonito. (Bandys)♥

quarta-feira, 19 de abril de 2017


A gente pode decidir por muitos caminhos nesta vida, uns mais fáceis, outros bem mais complicados, e diante de tantas escolhas, é preferível ir prosseguindo pelo caminho das doçuras, dos sorrisos, do olhar mais terno que conseguirmos ter. Vamos devagarinho, nas esferas possíveis da esperança, do otimismo, do que desperta o bem.
Então, vamos deixando assim mesmo né?   No nosso passinho leve, de quem  sabe que daqui só se leva um punhadinho  de carinho, um restinho  de  perfume, um  tantinho de sonho, um nadinha de nada, ao menos de emoção. 
...um momentinho  de reflexão. (Bandys)♥