sábado, 5 de abril de 2008

Imagem J.S.H.
Nó na garganta

Nó na garganta
vazio no peito
mãos vazias, nuas
que andam nas ruas
sem encontrar.

Nó na garganta
vazio no peito
vontade de chorar
lágrimas que não
rolam no rosto,
brotam no coração
morrem na alma.

Nó na garganta
vazio no peito
injustiça no mundo
não sei explicar,
Choro, e choro.

Nó na garganta
vazio no peito
um grito de dor,
dor por não saberem
o que é o amor.

29 comentários:

Jamille Lobato disse...

Olá...
Pode ser que não seja a mesma sensação que temos, mas eu por muitas vezes sinto esse nó. Uma coisa que parece que enrola no estômago, sobre e fica ali... Engasgado.
Uma vontade imensa de gritar e estravasar... Ou algo semelhante.
Gostei das palavras, coube ao meu momento.
Bjokas e ótimo fds!!!

o¤° SORRISO °¤o disse...

Nó na garganta... é o que sentimos quando somos obrigados a ver esse monte de maldades que acontece no mundo. Nó na garganta, vontade de gritar, vontade de chorar "por não saberem o que é o amor."
Belas palavras, bela poesia.
Lindo Eliane!
Que seu finzinho de sábado seja maravilhoso!

Ah! Adorei sua flor no cubo. Já tá lá no slide sorriso de amigo.

Beijos mil!

Vinicius disse...

rs não achei o slide pra desligar o som....
mas já acostumei com ela rs..

MONICAVOX disse...

QUERIDA AMIGA, SUA POESIA VAI DE ENCONTRO COM ESSAS BARBARIDADES QUE ACOMPANHAMOS, QUERENDO OU NÃO, TODOS OS DIAS NA MÍDIA.ESTARRECIDOS, CONTEMPLAMOS UM MUNDO SEM AMOR, SEM COMPAIXÃO,MOVIDOS POR LOUCAS PAIXÕES, INSTINTOS MALDITOS, QUE TURVAM A RAZÃO, E SACRIFICAM A VIDA.DESCULPA O TOM AMARGO,MAS FOI O QUE SENTI QUANDO LI.CAIU QUE NEM UMA LUVA....UM BEIJO ILUMINADO, POIS SEI QUE A LUZ DIVINA E A GRAÇA TE ACOMPANHAM.

BJUS,WALK ON FOREVER,MONICAVOX

Mario Rodrigues disse...

A Amizade é como uma flor
Não chega semear...
Tem que se cuidar
todos os dias

Um optimo fim de semana

Abraço amigo

Mario Rodrigues

Chuvinha disse...

O nó aos poucos se desfaz nas lágrimas derramadas.

Bosco Ferreira disse...

Vou roubar uma estrofe de sua linda poesia. Um bom domingo querida.

Márcia disse...

Rui Barbosa....já dizia!!!

"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto."

Paz e mais Amor é o que eu espero neste mundo .

lua prateada disse...

Um nó na garganta...
Amiga passei para te desejar um belo fim de semana e dizer-te...
Não caminhes á minha frente,posso não saber seguir-te, mas também não caminhes atráz de mim, posso não saber guiar-te.
Mas caminha a meu lado e, sê apenas minha amiga.
Beijinho prateado com carinho
SOL

Everson disse...

MInha linda, quantas palavras estão presas num nó na garganta? talvez um dicionario do amor, e quantos sentimentos transmitem uma lágrima, ou as lágrimas? incontaveis gotas do incontavel amor, muitas vezes não conseguimos expressar tudo, não conseguimos falar tudo, e a expressão do nó na garganta ou da lágrima rolando, dizem tudo por nós...beijos na alma e um domingo de paz para que sua semana seja cheia de amor.

lane disse...

bandys,q lindo seu blog,tb choro por dentro,a alma sente as dores do mundo,pessoas sensiveis,sempre choram mais,ainda mais qdo nao podem ajudar...mas acredito q um sorriso,uma palavra amiga,salvaria muita gt,deixaria a terra mais leve...bj,conheça meu blog tb,seu blog é show,menina!!!!

ariel--bruxinha disse...

linduxa,agora ja sabe,sou a ariel,bruxinha apaixonada pelo sol,meu amor
amei q me linkou,farei o mesmo,sua visita é muito importante pra mim,vc se tornou especial na minha vida!!!obrigada,chore,ria,dance,mas nao deixe de sentir as emoçoes,q só pessoas verdadeiras deixam brotar...fica bem..se cuida!!bj magico!!!!

Paula Barros disse...

O nó na garganta sufoca. As vezes imobiliza, nos invade com outros nós.
O nó da injustiça. Da busca por dias melhores. Por amar e ser amada.

Mas as lágrimas ajudam, se não a desatar os nós, a afroxar o nó da garganta.

beijos

Marcia Ceschini disse...

hummm é uma Facilete romântica? rs eu sou mais uma facilete das irônicas.. hehehe
Obrigada pela visita e pelo comentário.
beijocas e bom final de semana.

Pena disse...

Simpática Amiga:
Um doce e sensível nó na garganta que esconde uma explosão de ternura e carinho.
Profundo poema e muito belo.
Vai-lhe na Alma gigante um coração terno de ouro e encanto.
Adorei! Lindo!!!!!!!!!!!!!
Um poema que deixa as pessoas a pensar.
Bj amigos de estima que respeita
Sempre a considerá-la


pena

Maria Quitéria disse...

É, querida, quando não sabem o que é o amor, creio que seja a dor mais sentida em nós. Lindas letras. Um beijo, grata pelo carinho e te desejo uma semana maravilhosa de muita poesia e encantamento.

MAO // disse...

Bandys,

O nó na garganta não me mete meuito medo. Mas tenho pavor do vazio no peito.

Beijos bons

Nina disse...

Querida que lindo
mto bom, me identifiquei mto, sentimento de vazio...
beijos e ótima semana.

Izi disse...

Amiga, qtas vezes sentimos esse nó na garganta por não podermos dar vazão aos sentimentos.
um grande beijinho de boa noite.

Izi disse...

Amiga, qtas vezes sentimos esse nó na garganta por não podermos dar vazão aos sentimentos.
um grande beijinho de boa noite.

Cacau disse...

Acho qeu vou repetir pela 821235 vez.. lindooo texto.
Você escreve muito bem!!

Nó na garganta, que surge no fundo do peito, não se sabe como, nem onde e continuando sem saber não surgem palavras, simplesmente sentimos.

Esse nó, esse choro por dentro, me perseguiu por um bom tempo ultimamente.

Bjoss e ótima semana

Bia disse...

“Nó na garganta
vazio no peito
injustiça no mundo
não sei explicar,
Choro, e choro.”

Minha querida, destaquei esses versos por achá-los perfeitamente de acordo com uma postagem que acabei de ver no blog da Menina do Rio, sobre os meninos de rua. Li também o teu poema sobre a Criança, e foi a tua postagem colorida e teus versos tão otimistas que trouxeram um pouco de alívio ao meu coração depois da leitura citada. Há que se ter esperança de um mundo melhor, minha amiga!

Atualizei a leitura, pois só estou podendo visitar os amigos nos finais de semana. Tuas postagens estão belíssimas e as imagens que tão bem sabes associar, ficam a encantar o nosso olhar e enternecer o coração.

Deixo sorrisos e pétalas para enfeitar a tua semana, minha linda, e também um carinhoso beijo no teu coração.

®efeneto disse...

Gostei deste texto. Reparei numa coisa engraçada...a cor da letra vai-se esbatento tam como o texto....suavisando a cor do texto. Beijo de amizade.

sergio disse...

E quem já não teve um "nó na garganta". Vontade de expressar e não consegue! abraço amiga...bj e otima semana

bruxinha disse...

Gostei do nó...kkkk

Bosco Ferreira disse...

Um poema divino e revolucionário. Parabéns.Uma ótima segunda feira minha grande poetisa.

Nina disse...

Oláa.
Nossa me serviu mto bem, realmente caiu como uma luva, descreveu o post. =]
Obrigada, a partir de hj vou tentar fazer diferente, coisas de segunda feira sabe né, em q prometemos nos tornar pessoas melhores, mudar a rotina, espero q eu consiga.
Beijos e obrigada
=]

Gonçalo disse...

Oi minha querida, parabens revi-me neste seu post "nó", como eu me sinto as vezes. Boa semana, bj com mt carinho

Rita Galante (Angel of Light) disse...

Querida, mais um belíssimo texto!Um nó na garganta daqueles que não conseguem desatar o Amor que há neles, porque, em nós, o Amor está bem desapertado e o nosso "nó da garganta" só poderá ser por compaixão aos outros!

A Foto é linda. Parabéns ao J.S.H.

Beijinhos cheios de Amor, Paz e Luz!