quinta-feira, 21 de março de 2013



 Eu te amava desde sempre nas imperfeições dos outros que não tens e nas que tens, porque em ti elas têm um outro significado, o sentido do vivo, do imperfeito, da real dimensão do humano. Te amava desde muito antes, antes de conhecer o som do teu riso, uma água que despenca do telhado num dia de chuva, antes das tuas mãos espalmadas sobre meus seios, pássaros famintos a revoar sobre campos de trigo. Te amava mesmo quando menina aprendia a ler as palavras que um dia tu me mostrarias a cor verdadeira, quando via pela primeira vez as coisas do mundo que tu reinventarias num olhar. A cor da essência do teu olhar. Te amava sempre, sempre, sempre, quando ainda estavas ocupado no teu ofício de me encontrar, sem saber que me procuravas e eu ainda me ocupava em evitar que me encontrasses até que pudéssemos nos reconhecer. Te amava pelas esquinas onde não estavas, pela minha vida que ia se fazendo secretamente cada dia mais perto da tua, pelas conspirações do mundo que nos enlaçavam, nos enredavam, nos libertavam e iam nos preparando para sermos um do outro. Te amava tanto desde sempre porque já amava a mim nessa altura e aqui estavas tu, comigo, no que seríamos nós.

18 comentários:

Hippie disse...

Eu sempre te amei.
Mesmo antes de me achar.
Te amo.
Cada prosa é como fôlego de vida.
Essencial pro meu viver.

Bjo melado.

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Ese Amor que huele en las distancias, que aprieta en lejanías y que acaricia siempre de cerca....Precioso.
Abraços e beijos.

jorge junior disse...

Não há nada mais belo e puro do que o amor. Gostei muiiito!!

jorge-menteaberta.blogspot.com.br

Thomas Albuquerque disse...

suas escritas continuam belas e singelas como sempre...beeeijos

Jeferson Diaz disse...

Outono me faz lembrar que mudo minhas folhas mas nunca as minhas raízes ... Que passo por estações mas deixo as minhas sementes ... Que o vento que me balança também espalha meu perfume ...
- Joelma Rocha

Tudo lindo aqui
Bom Dia pra você :)

Secreta disse...

O Amor mais sincero e arrebatador...aquele que nasce, antes que o saibamos.
Beijito.

Daniel Costa disse...

Amiga Bandys

O - te amo - duas simples palavras que, quando pronunciadas com verdeiro sentimento, podemos considerá-las como a principal magia do amor.
Beijos de amizade

:.tossan© disse...

Te amava tanto que hoje nem sei.... Lindo! Beijo

O Sibarita disse...

Omôdeu! kkkk Amava, é? Ou ama? Tá escondendo o jogo dona moça? kkkkkk

O texto é maravilha, ê! Só quem sabe colocar no papel o amor em toda sua plenitudo leva o leitor a passear pelos momentos descritos, oi que bom! kkkkkk

Nisso, eu tiro o chapéu, vc é a mestra, saravá! kkkkkk


O Sibarita

Cantinho do Amor disse...

Bandys, vc é impar no que sente e escreve...não bastam elogios, vc merece tb todo o nosso carinho.
Estamos de roupa nova, mas estamos aqui, rs...

Ghost e Bindi

Retalhos da Sol disse...

Bandys, Lynda ChefYnha!!!

Adorei sua visita e seu sempre peculiar carinho.

Ando sumida mas o amor e a saudade de todos é enorme.

Tentando aparecer com mais frequencia,

Bjosss meus, enSOLarados!

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida
Gosto do seu jeito de falar do amor com tanto envolvimento...
Uma linda, santa e abençoada Semana pra VC!!!
Bjm de paz e bem

Thiago RioSul disse...

Parabéns pelo poema, intensidade no sentir.

Uma semana iluminada pra você!
Abraços
Thiago - Trocyn Bão

Poeta Mauro Rocha disse...

Ola Bandys???
Primeiro quero agradecer a lembra do dia da poesia, desculpa a demora mas no dia seguinte minha filhota Clarice nascia ai nem tive tempo para mais nada. Agora tenho duas lindas filhas, a Cecília e a clarice, srsrrs. Quer poesia melhor?? srsrs.

Seus textos continuam lindos e cheios de inspiraçaõ e digo que me inspiram também.

beijos minha querida amiga e que vc tenha um dia ótimo e semana também.

Bjs.

Patty disse...

O MAIS DELICIOSO QUE TEM É ENCONTRARMOS O QUE VERDADEIRAMENTE AMAMOS,SEM SABER ONDE PODERÍAMOS ENCONTRAR, E QUANDO MENOS ESPERAMOS.. ENCONTRAMOS E AMAMOS MAIS. E AMAMOS PELO SIMPLES FATO DE ENCONTRAR.

BJS LLINDONA,
SAUDADES DE TI.

PATTY.

Ro disse...

Linda,
Como sempre espalhando amor...
não desista mesmo, o amor é nobre e vale a pena.


Beijinhos

Ro

Alexandre Lucio Fernandes disse...

Te amava desde antes de nascer e te conhecer. E o mundo era apenas um sonho bonito que era bonito porque você vivia. Mas eu nem sabia direito o que o tornava lindo.

Ao nascer percebi. Te amava desde sempre. E sempre que sorria e percebia as maravilhas do mundo. Você pintou o meu universo em cores.

Te amava sempre. Sempre!


Lindo texto!!

Beijo!

Anônimo disse...

Desde minha tenra infância, tinha o mágico pressentimento de que você existia. Um sentido sobre alguém que me completava, de algo que faltava em mim, fazia-me companhia durante minha caminhada pela vida. Era maravilhoso isso, pois me instigava a te descobrir, nessa procura errei muitas vezes, mas enfim te conheci e isso foi surpreendente e encantador. Nem tudo é perfeito, por isso te descobri não tão perto de mim, mas não tenho medo quanto a isso - alguns anos perto da eternidade são milionésimos de segundo longe de você, dar para te esperar. Saudades de você.