domingo, 29 de junho de 2008

Poeta/Poetisa
Quando amamos um poeta/poetisa

Amar um poeta nem sempre é fácil,
devemos saber separar o que é nosso
do que é para nós...
Devemos lembrar que seu coração é dividido,
entre o amor por nós e o seu sonho de amor.
Devemos aceitar seu olhar para a lua ou pro horizonte.
Entender sua conversa com as estrelas...gostar do desconhecido
seus desejos pelo impossível, seus sentimentos perdidos.
Suas lembranças de algo que nunca viveu...

Para amar um poeta,
é preciso que estejamos atentos
aos seus devaneios e às suas viagens imaginárias...
Seus vôos e seus mergulhos entre rimas e prosas
O poeta sente dor que não dói,
ama o que não conhece,
sente saudade do que nunca teve,
inventa sentimentos,
comete loucuras!

Se quiser amar um poeta, seja poeta também,
entre no seu mundo; ajude-o criar ilusões!
Se desejar entender um poeta,
esqueça do real, viva na corda bamba dos sonhos dele...
E ame-o eternamente, desobediente.

Tenho fases, como a Lua; fases de ser sozinha,

fases de ser só sua. (Cecília Meireles )

35 comentários:

Anonymous disse...

eliane
obrigado para ligar para saber da
minha saúde vou ficar bem deus ta sempre do meu lado
parabens pelo blog

Cacau disse...

Li
poeta vivencia o amor em palavras e rimas, tenta descrever o que o coração quer dizer.
Poeta escreve com o coração, e o amor é sua maior inspiração.

Beijos minha poetisa, e carinhos nesse cabelãoo.
uma ótimaa semana.

Maria Clarinda disse...

N�o imaginas como foi bom amanhecer no teu blog....li, reli os teus posts. Tinha saudades tuas.
Agora tirei um pouco do meu dia em que estou mais calma para visitar os amigos...e � t�o bom!
Adorei e claro estarei sempre por aqui.
Jinhos mil

Mara disse...

Bom... vamos lá:

A primeira pausa e corri aqui porque estou devendo essa visita escrita. mas, vc sabe que tenho lido, melhor, tenho me deliciado.

Amor: mais que tarde esse canto. Mais que esperado e merecido. Pra nós e pra vc.

Estou sempre, sempre por aqui...

Mara disse...

ps: Não gosto muito dessa sessão de com do blogger..mas é porque não sei me mover direito..risos

Não sei nem colocar minha menina de cabelo Azul...

MONICAVOX disse...

querida Eliane, ser poeta é um dom divino.Poesia bem feita é uma arte e não é para qualquer pessoa.Linda sua colocação.Parabéns!a frase de Cecília Meireles é maravilhosa.
Tenha uma excelente segunda feira!bjus mil, walk on forever,monicavox

Lyra disse...

Passo por aqui para te ler e reler, o que sabe sempre muito bem!

Aproveito para te desejar uma execelente semana.

Beijinhos e até breve.

;O)

Iana disse...

Amiga que SAUDAESSSSSSSS....
Estive doentinha com uma bronco pneumonia, passei mesmo muito mau, e ainda não estou à 100%mas... estou de pé, e é isso que é preciso!

Mais amiga não me esqueci de ti não.... lol.. nunquinhaaaaaaaa!!!

Andar com fé
é saber que cada dia é um recomeço,
é ter certeza que os milagres acontecem
e que os sonhos podem se realizar.

Andar com fé
é saber que temos asas invisíveis,
é fazer pedidos a estrelas cadentes
e abrir as mãos para o céu.

Andar com fé
é olhar sem temor
as portas do desconhecido,
ter a inocência dos olhos da criança,
a lealdade do cão,
a beleza da mão estendida
para dar e receber.

Andar com fé
é usar a força e a coragem
que habitam dentro de nós
quando tudo parece acabado.

Andar com fé
é saber que temos tudo a nosso favor,
é compartilhar as bênçãos multiplicadas,
é saber que sempre seremos surpreendidos
com presentes do Universo,
é a certeza que o melhor sempre acontece
e que tudo aquilo que almejamos
está totalmente ao nosso alcance.

Basta só Andar com Fé !

beijos aos milhões e nunca esqueça que eu te adoro muitão mesmo....
Boa semana minha jóia

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Eliane. Para amar um poeta é preciso ter a alma de um poeta.

E essa frase da Cecília Meireles é maravilhosa.
Lindo!

Ótima segunda feira.

Beijos mil! :-)

Everson disse...

Feliz do poeta que consegue o amor de uma poetisa, ou o amor de sua musa, e feliz o poeta que conseguir o seu amor, talvez não seja tão dificil amar um poeta, basta voce acreditar com ele, viver com ele, sonhar com ele, divagar com ele, porque se dois se perderem é muito mais facil se encontrar, concorda?, acho que sim....beijos minha linda e misteriosa poetisa do amor...tenha uma semana cheia de inspiração...

Everson disse...

Feliz do poeta que consegue o amor de uma poetisa, ou o amor de sua musa, e feliz o poeta que conseguir o seu amor, talvez não seja tão dificil amar um poeta, basta voce acreditar com ele, viver com ele, sonhar com ele, divagar com ele, porque se dois se perderem é muito mais facil se encontrar, concorda?, acho que sim....beijos minha linda e misteriosa poetisa do amor...tenha uma semana cheia de inspiração...

Adri disse...

Adorei a frase que diz : "Se desejar entender um poeta, esqueça do real"... Linda semana ;)

Poeta Mauro Rocha disse...

Que texto bonito, os poetas/poetisas agradecem.

Ótimo começo de semana.

Um abraço!!!

MAURO ROCHA

30 de Junho de 2008 12:37

Paula Barros disse...

Querida, mais uma vez me encontro nos seus escritos.
Por me confundir com os sonhos dos poetas.
Por confundir com os devaneios que escrevo.
Mas sonhando sempre.
Amar um poeta não é fácil, por vezes é enlouquecedor, principalmente quando esse poeta nos faz escrever dia e noite, coisa de amor.
Mesmo que a gente não entenda nem mesmo o que sente, ou o que escreve.
abraços poetisa maravilhosa.
(Hoje vou indicar seu blog em alguns blogs que eu passar, mesmo para quem já lhe conhece, achei excelente.)

Daniel disse...

Badys

Um poeta ama o mundo.Daí que amando o mundo é-se poeta já de si. Num dois em um, resultará todo um mundo de amor e poesia.
Como se poderia estar num Éden melhor?
Beijinhho, Daniel

O Sibarita disse...

Rapá! É assim é? Hummm... kkkk

Eu que não sou poeta vou dizer o que? Se você diz que é assim... kkk

Dona moça, eu tenho o coração divertido e ai? kkkkk

Mas, tá porreta a homenagem aos que são poetas e poetizas, a eles, todo nosso afeto e carinho, faça fé!

Bjs
O Sibarita

vilminha disse...

Oi Bandys. Tive a curiosidade de vir visitar o seu Blog e amei muito este seu espaço, Parabéns. Amo poesias e esta "Poeta/Poetisa" define muito o sentimento de quem já teve a experiência de amar um poeta, não é fácil, mas é possível, no entanto, considero o sentimento de Amar um poeta um tanto surrealista, mas, algo muito eletrizante e apaixonante. bjs e ate breve. (http://vilma.souza.zip.net)

Izi disse...

Para amar um poeta/poetisa, basta viver no mundo das ilusões, fantasiar a realidade e viajar em imensas nuvens de sonhos.
bjusss e linda terça prá ti...Izi

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Dois poetas juntos não dá, Bandys, falo por experiência própria. Obrigada pelo carinho e solidariedade.
Fiz um post para o nosso vampiro o "Ravnos", que tanto me pediu, sobre Cidadão Kane. Apareça por lá:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,

sergio disse...

Já cansei de escrever para parar de brincar com as letras agora, pronto: vc merece um poeta sabia? bj e ótima semana

Belinha disse...

Tanto os poetas como as poetisas veem o mundo de uma maneira muito brilhante.
Por isso viva o amor.
Jokas ;)

Tereza Freire disse...

Pra se amar uma poeta, antes de tudo tem que se saber amar a poesia, a ilusão, acreditar no que não existe, sonhar com o impossível e pensar que o sol nasceu para ser companheiro da lua, quando na realidade eles são incompatíveis. Tem que ter uma alma feito a sua, amiga. Beijinhos.

Pena disse...

Sensível e Admirável Amiga:
Amar um poeta. Algo que vem do seu sentir como genial poetisa.
Quando diz:"...Devemos lembrar que o seu coração é dividido entre o amor por nós e o sonho de amor", explica veradeiramente a sua essência de perfeição poética.
Juntar dois poetas facilita a crença num amor mais verdadeiro.
Ambos, sonharão com a lua, com o horizonte magnífico, o Sol e as estrelas que cintilam com um brilho intenso e maravilhoso.
Excelente!
Beijinhos de estima, respeito e imensa consideração.
Sempre a admirar a brilhante poetisa que é.
Adorei!

pena

Landinho disse...

Adoro morangos.

Carla disse...

porque como Pessoa, a poesia dá-nos diferentes identidades...reconhece-las todas e viver com todas elas é difícil...muito difícil
beijos

MAO // disse...

Oi, meu amor!

Voltei


Beijos

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Eliane. Que sua terça seja repleta de amor no seu coração de poetisa.

Beijos mil! :-)

Iana disse...

Amiga do meu coração...

"O carinho de uma amizade
não tem distâncias,
vale sim a sinceridade
e a honestidade daquilo
que escrevemos e sentimos.

A amizade é uma combinação
sempre crescente de pensamentos,
sonhos, virtudes, felicidade e sofrimentos.
São almas atraídas uma pela outra,
sentindo-se livres para se separarem
e não se separando nunca".

Amiga, adoro-te de montão...
beijos e beijos sua e sempre amiga
Iana!!!

Everson disse...

Um dia me esconderei nesse cantinho, só pra ver como tudo nasce, de como a poesia surge em seu coração...beijos e uma linda terça.

MB disse...

O dia nasce, e o sol se coloca para
Saudar-nos com o brilho que só ele
e você tem.
A lua sobe, fica perto das estrelas,
juntando o desconhecido com o conhecimento
das suas frases lindas, e sempre bem colocadas.
É fantástico poder ler mais essa poesia.
Beijos,
MB

nonita disse...

Eu tbm não sei pôr foto mas tô sempre por aqui te lendo.
Bjs.

Betho Sides disse...

Acredito...(Cecilia) beijos

Bel Sant anna disse...

adorei o texo...gosto de quero mais!

edson marques disse...

Bandys,



A fruta é sempre colorida.


E você, também!


Abraços, flores, estrelas..

Auréola Branca disse...

É verdade, Bandys. O poeta cria, recria, sente e mente.

Mas, quem reproduziria tão bem nossos sentimentos?

Abraços.