quarta-feira, 13 de abril de 2011


Nos planaltos do teu corpo plantas a esperança na primavera num desejo de renovação continua.
Trajas a cor verde dos prados para esconder as marcas que o tempo vai deixando. De ti jorram lágrimas, sinais das memórias dos que partiram e no teu corpo marcaram a saudade. Ergues ao o céu o olhar na esperança de os alcançar, no céu uma pequena estrela nunca deixa de te velar. A teus pés corre um rio de águas mansas. Não vês que são os teus sonhos mais íntimos de criança? Eles estão lá quietos, parados na ânsia que os desvendes e largues as amarras de um barco esquecido junto ao cais na margem do pensamento ancorado. Eu olho-te deste lado da margem.

Construo pontes imaginárias, com as raízes que me sustem.
Na viagem imaginária alcanço os teus sonhos, embelezo o teu olhar
e ofereço-te a miragem do outro lado de ti. (Ana Coelho)

...quero (re) parir meus sonhos todos os dias. (Bandys) ♥

21 comentários:

Joe B. disse...

Demais, me faz sonhar. Eu sou perdidamente apaixonado pelas suas palavras e pela sua sensibilidade. Assumo finalmente.

Tatiana Moreira disse...

Que lindo...
Não há como não mergulhar em suas palavras!

Um beijo carinhoso

Pena disse...

Estimada e Preciosa Amiga:
O seu valor de ouro puro faz falta em todo o lado.
Fascinam os seus versos, sabe?
Abraço amigo de respeito profundo por si e pelo seu ímpar talento mágico.
Sempre a admirá-la, poetiza de fascínio.

pena

Deslumbra.
Bem-Haja, linda e extraordinária amiga.
Adorei.

Sonhadora disse...

Minha querida

Uma introspeção ao EU mais profundo, adorei este texto e deixo um beijinho com carinho.

Sonhadora

Retalhos da Sol disse...

Essa é a Minha Chefynha!

Sempre a escolher com sensibilidade belas letras p/ repartir!!!

Aproveitando que hj é o Dia do Beijo e a Páscoa está a chegar...

Te ofereço mil bjossss enSOlaradamente achocolatados!!!!!

José Sousa disse...

Grande sensibilidade a sua!
Que bela forma poetica vc tem!
Como sempre mais um para ler e sentir!

Beijão querida.

Everson Russo disse...

Minha linda,,,que maravilha de poema,,,esse é daqueles que a gente le...e fica refletindo toda essa paisagem interior,,,todos os sentimentos...dores,,,cores,,,amores...grande beijo de bom dia pra ti...anda muito sumida.....saudades....

Fabi disse...

ah que lindo! Afinal enquanto houver sonhos, existem esperança!
beijos

Fabi disse...

Ah que lindo!
Afinal, enquanto houver sonhos, existem esperança!
beijos

Everson Russo disse...

Um grande beijo de bom final de semana pra ti querida,,,paz e poesia sempre...

A.S. disse...

Querida Bandys,

É tão ténue a linha que separa o sonho da realidade!!!!


Beijos meus,
AL

Majoli disse...

Bandys querida, desculpe meu sumiço.
:)

Tudo lindo, e que me faz fugir um cadinho da tristeza de estar só, pois te lendo eu fico a flutuar.

Beijos enormes no teu ♥

Retalhos da Sol disse...

Minha Bandyda preferyda,

Olha eu aqui!!!!

Vim te trazer uma cesta de bjosss e cerejas e desejar um fds apetytosamente enSOLarado! rsrs

Mario Neves disse...

Minha dileta amiga Bandys! Menina não sei como a poesia pode ser definida; como uma arte, como uma ciência ou sei lá com o que. A verdade é que neste poema a autora Ana Coelho mostra que a poesia é completa. Aqui a poesia se alimenta de arquitetura, geografia, conhece a botânica, a fauna e a flora. Nesta prosa poética se viaja em várias ciências para falar de um afeto.E para coroar o texto que conta com todas estas riquezas fala do sentimentos dos sentimentos, o amor! Trás em seu epilogo uma linda declaração de amor. Parabéns a você Bandys pela escolha e a Ana pela preciosidade escrita. Saudações Poéticas - Mario Neves.

Lys Fernanda disse...

Eu gosto de comer as suas palavras, porque elas fazem uma otima renovaçao dentro de mim, beijos anjo!

Anonymous disse...

eliane
"A possibilidade de realizar um sonho é o que faz que a vida seja interessante."

adorei!!!
beijos
claudia

Luma Rosa disse...

Repartir para somar e quem sabe multiplicar? Bom fim de semana! Beijus,

Everson Russo disse...

Um otimo sabado pra voce querida amiga...beijos e beijos...

João Moreira disse...

Olá anjo,
Belo sonho, suave como essa imagem que mostra que nos sonhos não precisamos de pontes, podemos apenas caminhar, se teus sonhos são assim, então, sonha, sonha.
Beijinho doce
Fica bem querida

ELANE, Mulher de fases! disse...

Oi Eliane, pois é, ando numa correria, ja dei uma arrumada no blog,
adorei sua mensagem, e ainda mais sendo um Cavalcanti como eu, como boa neta de portuguesa, carregamos uns trocentos sobrenomes,kkkk
tenho concurso amanha e por isso sumi, sinto falta dos blogs, mas to voltando com garra!!
q lindo poema, o nosso amor sendo sempre um porto seguro!!
bjo linda, ótima semana e paz, q é o q precisamos, to até agora chocada com o acontecido em Realengo, tenho muitos primos, tios no Rio!!
bjo no coraçao!!!

Poeta Mauro Rocha disse...

Belas palavras e como sempre o amor reina neste blog-primavera.

Tenha um ótimo fim de semana.

Bjs