terça-feira, 8 de outubro de 2013



Envio-te o mar. O mar rumoroso que trago em mim, um mar de sal e conchas que talham os pés, um mar de areias, poeira, moluscos enterrados.
Envio-te o mar que trago nas mãos e desfio pérolas em contas de lágrima, alívio, vento no rosto, maresia e iodo, coral. Envio-te o mar que trago nos olhos, ardidos, cheios de terra, ondas e espuma, um mar que pode estar perto de ti, ainda que estejas longe dele. Envio-te o mar que trago na boca, salitre, sol, palavras fugidias que não escutarias com a rebentação. Envio-te o mar que faço em mim.


...envio-te um mar de amor. (Bandys) ♥

22 comentários:

Severa Cabral(escritora) disse...

VENHO VELAR TEU SONINHO !
O PERFUME DAS PALAVRAS DEIXA MAIS UM BELO POEMA ...A IMAGEM SE DISSOLVE NAS PALAVRAS...BJSSSSSSSSSSSS

Samuel Balbinot disse...

Bom dia Bandys.. o mar descrito em sua total essencia.. falaste do todo em cada frase.. quando todos soubermos enviar as purezas a todos os outros seres que nos cercam este mundo dará o salto merecido.. bjs lindo dia

Bell disse...

Que lindo!!!

O Mar, que além de lindo é infinito, que assim seja o seu mais doce e lindo amor.

bjokas =)

Everson Russo disse...

O mar é o mais perfeito paralelo a ser feito com o amor, é profundo, misterioso, e está sempre em ondas, as vezes intenso, as vezes calmo, mas sempre enigmático,,, beijos de bom dia.

O Sibarita disse...

Ah o mar e suas vertentes... kkk

Um mar de desejos querendo desembocar num oceano de espera e ai? kkkkk

Dona Bandys, o amor é aquilo mais o isso desse mar viril das tuas palavras. O oceano há de se vestir de paixão, né não? kkkkk

É mil!

O Sibarita

mARa disse...

Deixo-te o mar

Deixas então imenso e profundo amor.

Por aqui sempre o romantismo a vontade de ler e voltar.

bjo guria Linda!

Blue disse...

Mas o mar, este que vem da boca, é o melhor mar que existe, pois é com este que criamos um laço.

Beijo

Mateus Medina disse...

Lindo e singelo.

Um mar de talento.

bjos

Daniel Costa disse...

Amiga Bandys

O mar com todos os seus elementos e com a suave brisa, pode-nos envolver em ternura e amor. Só é preciso tentar entender, para sorver.

Beijos

wcastanheira disse...

Uuauau mar adoro tudo q venha do mar e sendo da boca da mulher amada, q bome gostoso mar mesmo c/salitre pois ele compõe o equilibrio da água marinha, pra vc minha linda bjos, bjos e bjossssss

✿ chica disse...

Quanto amor pra dar,Lindo! bjs,chica

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Que linda oferenda de amor neste belo poema. Oferecer o mar é dar toda a imensidão de nós. Lindo sempre.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Ariana disse...

Belo adjetivo seria o mar para o amor.
Lindos, encantadores, assim como o que escreveste.

Beijos

Ghost e Bindi disse...

El muchacho y la muchacha se derivan de chaleco salvavidas, este mar de inmenso amor.
A partir de entonces, se estima que el sentimiento poético en ti, siempre vierta en palabras que hacen las delicias de los mares del sur y del norte.

Ghost y Bindi

Lu Nogfer disse...

Sempre achei o mar perfeito para ser comparado a sentimentos intensos!

Um lindo presente este:um mar de amor.

Fábio Murilo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fábio Murilo disse...

SEN-SA-CI-O-NAL Bandys, o melhor que já li nessas bandas! Você foi ótima, se superou!

http://apoesiaestamorrendo.blogspot.com.br/

Lucimar da Silva Moreira disse...

Que mar maravilhoso que ele traga sempre o bom pra você, Bandys passando pra desejar um ótimo final de semana beijos.
http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com.br

Larissa Bello disse...

Você conseguiu descrever de forma sublime o que significa se entregar ao amor. "Envio-te o mar". Admiro imensamente a coragem e a beleza contida nos versos.

Bjos!

Alexandre Lucio Fernandes disse...

Em ondas que retumbam o peito com puro amor. Um mar e sua maresia, sopro que aquece o coração.

Lindo!

Beijolindo!

LUZ disse...

Oi, querida Lily!

Tudo bem?

Você já está melhor, melhor, mesmo?

Eu estou melhor, graças a Deus.

Olha, amiga estou sem Net, TV e telefone fixo, desde eu estou.

Estou em casa de uma colega, porque viemos trabalhar juntas, e eu lhe pedi para me deixar fazer uns comentários, em blogs amigos, especiais, você.

Espero que esta situação se recomponha, rápido. Estava escrevendo novo poema no "Luzes", no sábado, e de repente, se deu a avaria. Faltou a luz, etc.

O poema que iria postar, ainda não revisto ele, veja só, mas "galgou" que nem rio para meu blog. Claro que já o retirei. Deixaram comentários que foram parar à Publicidade Não Solicitada. QUE CONFUSÃO!

Não comento seu TERNO E DOCE POST, porque creio que você vai compreender (não devo abrir exceções). Me desculpa, tá?

Boa semana.

Beijos com carinho da Luz.

Thomas Albuquerque disse...

Que Mar de Paixõess *.*