sexta-feira, 18 de setembro de 2015



"Coragem, às vezes, é desapego. É parar de se esticar, em vão, para trazer a linha de volta. É permitir que voe sem que nos leve junto. É aceitar que a esperança há muito se desprendeu do sonho. É aceitar doer inteiro até florir de novo. É abençoar o amor, aquele lá, que a gente não alcança mais." (Ana Jácomo)
Bandys♥

14 comentários:

Daniel Costa disse...

O pensamento de Ana Jácomo, e de ter em conta Bandys. É o saber esperar o renovar da esperança.
Beijos

Andréa disse...

Boa noite minha querida!
É preciso ter coragem mesmo pra desapegar principalmente de quem a gente ama.
Belo pensamento!
Que a coragem do desapego seja maior do que o medo.
Adorei a imagem, linda e criativa!

Excelente fds junto de quem te faz bem!
Bjs no seu ♥

APENAS PALAVRAS disse...

A vida se contrai e se expande proporcionalmente à coragem do indivíduo.
A coragem é a primeira das qualidades humanas porque garante todas as outras.
Você ganha força, coragem e confiança através de cada experiência em que você realmente para e encara o medo de frente.
É preciso impor a si mesmo algumas metas para se ter a coragem de alcançá-las... Aquilo que aos olhos físico se julgue difícil de alcança-lo...
A maior prova de coragem é suportar as derrotas sem perder o ânimo.

Lindo dizeres Bandy.
Amo vir aqui e me deleitar das escritas, as quais são escritas pelas linhas do seu meigo e puro coraçãozinho.

bj de carinho nas linhas do seu mais puro e meigo coraçãozinho... No qual vivo a caminhar todas vez que leio e releio suas escritas.

Que este fim de semana os teus olhos brilhem com o resplendor de quem viu o sonho mais difícil ser concretizado!

O Sibarita disse...

Pois é dona moça! kkkk

O grande problema da humanidade é o desapego que muitos ou a maioria não está nem ai...

Muitos se julgam donos de tudo e de todos, repare... kkkk

O Sibarita

Ariana Coimbra disse...

EU adoro esse poema, ele realmente nos remete a coragem.

Beijos linda!

Daniel Costa disse...

Bandys, nas guerras sempre houve romantismo sim. Tanto é que a minha estada, na guerra originou o meu livro de prosa: AMOR NA GUERRA.
Bom Domingo

Ghost e Bindi disse...

A vida é feita de desapegar-se...são perdas constantes, às vezes imperceptíveis, diárias, que temos ao escolher entre algo e outra coisa. Alguma coisa sempre precisamos deixar escapar, deixar para lá, ou perdemos para sempre o mais importante, a saúde mental, e a saúde da alma...

"Это бесполезно беспокоиться о волосах, когда голова находится под угрозой."
русская пословица

Um grande abraço domingueiro
Bíndi e Ghost

Samuel Balbinot disse...

Boa noite querida Bandys..
uma bela frase que nos remete ao nosso interior..
aos entendimentos da alma que tanto tem de assimilar as coisas mundanas..
que sempre possamos alcançar o amor que não esta longe mas sim dentro de nós sempre..
beijos e até sempre

Carol Russo S disse...

Você mudou o layout? Que lindo, adorei!!!

Bandys, obrigada pelos comentários no blog, obrigada por se importar e se preocupar. Você foi uma fofa, me ajudou muito, de verdade. Estou aqui caso precise de mim algum dia, também. Tá tudo bem agora, sério. Obrigada!

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, não devemos perder a esperança, sem ela nada conseguimos, na vida, também acontece que por receio deixa-se de fazer algumas coisas, com coragem faz-se algumas asneiras, acontece a todos.
AG

Fábio Murilo disse...

Falar é fácil. Difícil é desapegar, se soltar do que foi bem amarrado, envolvido, num emaranhado profícuo. Desapegar é ficar triste, desapegar é perder, é sangrar, é praticamente nos despedirmos de nós mesmos. Beijos, Bandys.

Branca disse...

Dói muito, aquele momento onde o desapego é o que nos resta...

Lucimar da Silva Moreira disse...

Pra desapegar é preciso te muita coragem, que a coragem sempre fale mais alto, Bandys beijos.

APENAS PALAVRAS disse...

Passando pra lhe desejar um feliz e alegre final de semana, seguida de muita paz em seu lindo e meigo coração...
bj