sexta-feira, 4 de outubro de 2019


Te amo assim
sem enfeites nem disfarces
sem mascaras ou molduras
ungida pela doçura.

Cabelo escorrido pelos ombros,
olhos brilhantes de alegria e vontades 
bordando nossas metades 
com amor, dança e harmonia.

Como se tivesse descido do céu
uma nuvem pintada de véu
que nos envolve (e)ternamente.

..para teus sonhos, dou as minhas asas, 
e renasço deusa todos os dias..(Bandys) ♥

6 comentários:

  1. Bom dia de paz, querida amiga Bandys!
    Que lindo, como sempre!
    ... "ungida pela doçura."
    A docura vence os mais insensiveis
    Seja muito feliz e abencoada!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem
    https://espiritual-marazul.blogspot.com/2019/10/a-praca-florida-do-amor-perfeito.html

    ResponderExcluir
  2. Lindo jeito de amar, Bandys!
    Bom final de semana!

    ResponderExcluir
  3. Amar da forma mais natural possível...
    Amar com autenticidade, sem máscaras, sem esconderijos e sem recantos escondidos do coração...
    Uma deusa-borboleta que renasce todos os dias!!!

    ResponderExcluir
  4. Olá Bandys, td bem?
    Seria tão bom se todos os amores fossem doces como o descrito no seu lindo poema! O amor sempre nos inspira e faz a nossa mente viajar.
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Não é bom quando podemos dar nossas asas para sonhos alheios? Revigorante.

    ResponderExcluir

"Então eu disse a mim que o mundo no qual eu acreditava haveria de existir em algum lugar.
Nem que fosse apenas dentro de mim."
Obrigada.Beijo ♥