sábado, 5 de dezembro de 2009

ACREDITO

Acredito no ser
Que busca a felicidade,
Vive o hoje
Sonha com o amanhã,
Revê conceitos,
Perdoa, quando agride
Pede perdão, quando ofende.

Acredito no ser
Que realiza sonhos
Respeita as diferenças
Acredita que amar,
Está além de si
E assim, ignora o egoísmo.

Acredito no ser
Que valoriza a vida,
Conhece a felicidade
Consegue amar
Com toda intensidade.

“O homem só pode afirmar que ama alguém após,
a convicção que ama a si mesmo.”

Sergio Ricardo Ferreira, (novembro/2009)

22 comentários:

Bandys disse...

Amigo Sérgio,

Um dos primeiros amigos da blogosfera, um dos primeiros a admirar minhas brincadeiras com
as letrinhas, um dos primeiros a me chamar de poetisa.
Quem sou eu Amigo? Mesmo com teus incentivos tenho muito que aprender...Muitoooooooooo!
Sergio não é só um professor que ensina aos alunos, ensina aos "homens" à admiração, o respeito e acima de tudo a amizade. Acredite sempre no amor, principalmente por você mesmo.
Obrigado por participar do meu cantinho.

Beijos no teu ♥

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Olá, amiga!
Maravilhoso!
Beijos à Eliane ao Sérgio e a todos
Boa Semana
Renata

Everson Russo disse...

Menina da poesia, uau, hoje homenageando meu mestre, meu amigo e irmão, o primeiro a comentar no Livro, me deu força quando comecei, sempre presente, uma pessoa diferente, um ser humano maravilhoso e especial a quem tenho um carinho enorme,,,parabens a voce pela homenagem e parabens ao Sergio por estar aqui no Esconderijo do amor....beijos na alma e um lindo fnal de semana uai....esteve em terras de Minas né? boommmmm, um dia a gente se conhece....

Hugo de Oliveira disse...

Adorei esse último trecho, lindo demais, viu.


abraços


Hugo

José disse...

Olá Bandys,
Achei tão bonito o comentário que fizeste no blogo da Majoli, já o pedi a ela e agora estou a pedilo a ti. A carolina

Eu também acredito
com toda a intensidade
o que está aqui escrito
é tudo, tudo verdade

um abraço ao Sergio

e para a menina poetisa
um beijinho, José

Marcos™ Aprile disse...

Sem amar a sí próprio, não se ama o próximo, FATO

Como sempre, excelente...

beijo

Francisco disse...

Só o fato de alguém perdoar quando é agredido, e pedir perdão quando ofende, já é digno de respeito pelos seus semelhantes.
Amiga Bandys! Não gostaria de ser repetitivo, mas o meu comentário no seu post anterior, também caberia perfeitamente agora, pois fui tocado de maneira intensa pelas palavras do Prof. Sergio.
Obrigado aos dois.
Beijos!

claudda disse...

eliane adorei
"Cada pessoa que passa em nossa vida, passa sozinha,
é porque cada pessoa é única e nenhuma substitui a outra.
Cada pessoa que passa em nossa vida passa sozinha, e não nos deixa só,
porque deixa um pouco de si e leva um pouquinho de nós.
Essa é a mais bela responsabilidade da vida e a prova
de que as pessoas não se encontram por acaso."

parabens beijçao com carinho claudia-btaca

O Sibarita disse...

Beleza! o cara tá certo, para se amar alguém primeiro tem que a mar a si próprio!

Bandys, você descobre é coisa boa!

bjs
O Sibarita

Majoli disse...

Que lindas as crenças de Sergio, amei o poema.
Parabéns!!

E pra você minha linda amiga, meu mais doce beijo no ♥.
Bom final de domingo.

Ana Luiza F. disse...

Lindo!!!! E quanta verdade neste poema... Acredito no ser
Que realiza sonhos
Respeita as diferenças
Acredita que amar,
Está além de si... bjs e bom domingo, querida.

Deusa Odoyá disse...

Olá minha querida amiga.
Olha estou de acordo com o Siba, para amar alguem temos que nos amarmos primeiro.
Lindo e parabéns por ter um amigo tão lindo e sensível.
Bandys, uma semana de muitas realizações e paz.
Minha querida vc. viuuuuuuu corrózinho está apaixonadíssimo, quem será a negona dele, vamos descobrir?
kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Beijinhos de mil estrelinhas em seus caminhos.
Regina Coeli.

A.S. disse...

Uma bela lição de vida querida Bandys!
Impossível amar alguém se não se amar a si próprio!!!

Um doce beijo!

Luciana Klopper disse...

Concordo com o Mago Merlim...e como me amo posso dizer Bandys, te amoooooo

Luciana Klopper disse...

Concordo com o Mago Merlim...e como me amo posso dizer Bandys, te amoooooo

Cris Animal disse...

Oi Bandys!
Lição perfeita do amor. Descrição fiel e fiel ao exercício de fazer a lição de casa.
Lindo o poema de seu amigo e sua escolha foi preciosa. Muitos deveriam ler e mais que ler, deveriam pensar sobre....

Beijo para os dois!

ELANE, Mulher de fases! disse...

concordo com todos vcs!!bj Eliane.ótima semana!!
só ama qm se conhece...

Franzé Oliveira disse...

Menina,
Te acho especial

Bjos com ternura.

Prof. Sergio Ricardo disse...

Fiquei deveras surpreso com essa homenagem. Realmente fui um dos primeiros a visitar esse lindo cantinho. Bandys pega uma letrinha aqui, outra acolá, pinta daqui, pinta de lá e quando termina, deixa-nos perplexos com seus poemas e mensagens tão doces, tão meigas. Desse blog teve origem a uma amizade. Memso q não a conheça pessoalmente, sua amizade é e será, sempre, eterna. Abraço e bjs querida. Agradeço imensamente sua linda homenagem.

Everson Russo disse...

Bom dia minha linda menina, que sua semana seja de muita inspiração amor e paz, e que as madrugadas sejam de muitas luas e estrelas....beijos...

neide disse...

Lindas e sábias palavras, concordo com o professor, afinal só damos o temos e pra amar alguém temos que nos amar 1º.

Eliane, Prof. Sérgio Ricardo tenham uma linda semana.

Bjsss

Daniel Costa disse...

Bandys

Outro belo poema, desta vez de Sérgio Ricardo Ferreira, outra bela homenagem ao teu espaço.
Encontrei idéias que partilho, outro motivo para gostar.

No meu espaço milagre tens uma citação, aproveito para deixar o convite a uma visita.

Beijos
Daniel