quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

O Dom
Se me fosse concedida à graça da sabedoria
Decerto que eu não diria tudo o que penso
E certamente pensaria em tudo o que digo
Daria valor as coisas não por quanto valem
Mas por sua importância e significado.

Se me fosse concedido um milagre
Eu teria que dormir pouco
Pois certamente iria querer sonhar acordado
Nos meus sonhos mora tudo o que eu posso ser
Nos meus sonhos se materializa tudo o que posso querer.

Se me fosse concedido o dom das artes
Eu pintaria partes do mundo
Afinal recriar em traços a criação do Criador
Seria uma forma de adoração e louvor
E seria um ato de retribuição
Por ele ter me dado esse bendito coração.

Mas como me foi concedido apenas o dom da escrita
Eu tento com minhas palavras encantar
Faço delas versos, rima, prosa
Na tentativa de colorir uma realidade maravilhosa
Na tentativa de adocicar uma verdade dolorosa
Ou simplesmente para ignorar uma mentira maldosa.

E por fim
Rego com lágrimas de alegria o meu jardim
Pois minhas palavras trazem pessoas como você a mim
E nesse encontro casual e virtual
Tudo floresce e nada é banal
Afinal não existe canto algum onde a poesia faça mal.

Marcos™ Aprile
™†Mågö Mër£im†™
Cå£deiråø ÐØ Mër£îm™

24 comentários:

Bandys disse...

Marcos ou Mago Merlim,

Um dos mais novos por aqui.
Sua alma poética derrama amor por todos os lados.
Seu coração? Ah esse já tem dona e ela é brava viu meninas!!rs
Tô brincando, ela é outro amor de pessoa.. (aguardem)

Marcos, você falou em “Dom” e eu aqui no esconderijo tenho o “Dom de amar as pessoas”.
Seja sempre vem vindo,

Beijos no teu ♥
Bandys

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Sonhar é da Humana condição
Marcos, vc tem sonhos lindíssmos
Os quais nos oferece em poemas não menos lindíssimos
Marcos Humano Mago
Como nos encanta
Espaço encantador
Fonte de Amor Paz Alegria Amizade Fé Consolo
Muito obrigada sempre, Eliane, Marcos, todos
Beijos no coração
Renata

Francisco disse...

Este é o Dom que todos precisariamos ter.
Alguns têm, mas não dividem.
Parabéns ao Marcos e à vc, garota!
Aquele Beijãozão!

♥ Ariadne ♥ disse...

Oiii Bandys...
Eu brava?
Acha mesmo?
Sou nadaaa, apenas amooo demais... e quem ama cuida... rss
Logo verá q sou um doce. rss

Parabéns a postagem ficou linda... e qto ao Má... realmente ele tem o dom das palavras... encanta a todos com seus versos de amor... e o melhor de tudo é q vemos a sinceridade em casa uma das palavras...

Um beijo grande flor...
Cuide-se!

Ariadne ♥

A Magia da Noite disse...

e no jogo das palavras a poesia afirma o saber dos sentires.

FOTOS-SUSY disse...

OLA BANDYS, MAGNIFICO POEMA...GOSTEI MUITO, PARANENS AOS TEUS AMIGOS...VOTOS DE UM FELIZ RESTO DE SEMANA AMIGA!!!
BEIJOS COM AMIZADE,


SUSY

Cris Animal disse...

Linda a poesia e que bom saber que ela tem endereço certo. Alguém que a escreva com convicção porque sabe o que bate dentro do peito.

Ahhhhhhhhhhh........o amor!

Bandys, vou escrever algo, mandar com uma foto pra vc. Prometo que assim que der "um respiro" aqui faço isso.
Obrigada de coração pelo convite e...os animais agradecem!

beijo com carinho

Marcos™ Aprile disse...

Antes de qualquer coisa... agradecimentos que cabem... ao carinho que tens pelos meus escritos, a atenção e as visitas constantes ao meu Blog, e agora por espalhar no ar da web meus textos em um canto seu. E como ta no texto, os meus escritos fazem com que pessoas como vc, e como outras tantas venham até mim, tentar saber um pouco mais de quem escreve, ou pelo simples motivo de se identificar com o que leu... enfim... obrigado sempre, pela atenção, pelo carinho, pelo respeito e por me escolher pra ser publicado aqui...

José disse...

Olá Bandys,
Também te quero agradecer os teus
comentários em meu blogo.
E dizer-te que este poema é daqueles
quanto mais vezes o leio mais gosto de ler,no final do poema é como eu me sinto, quando recebe os teus comentários. parabéns ao Marcos

e um beijinho com carinho
para menina poerisa,José

José disse...

O Bandys

desculpa lá, queria dizer poetisa
não é o sono ainda, o r está ao pé do t
um beijinho

Franzé Oliveira disse...

Não saberei fazer uma homenagen tão linda assim.

Bjos docura.

João Moreira disse...

Olá,
Por vezes as palavras fazem autênticos milagres, eu acho que a maioria das pessoas não sabem o poder que têm para o bem, um sorriso, um olhar, uma mão, uma palavra, um abraço um silencio. Fazem autênticos milagres, belo texto
Fica bem querida
Beijos doces

Lys Fernanda disse...

Nossa, eu amei a poesia! Que poetico, lindoo Bandys!

claudia disse...

eliane adorei
"Diante da sabedoria infinita vale mais um pouco de estudo da humanidade e de um ato de humanidade do que toda ciência do mundo"

parabens fica com deus
beijão claudia= tia ca

Cαmilα ♥ disse...

Realmente, ele tem o 'dom'
Palavras encantadoramente doces.
Parabéns


BeijOs aos dois

Everson Russo disse...

E com toda certeza, com o dom da escrita moveu em sabedoria palavras de amor que impulsionam o mundo, pintou aquarelas que mudam o mundo em tons de paz e com lagrimas sentidas na alma fez nascer um jardim de amor, onde mora a mais perfeita flor...beijos minha linda poetisa,,,belissimo poema....lindo dia pra it.

Pena disse...

Admirável Amiga:
Um texto precioso e imenso sobre a vida. Uma vida que vive deliciosamente de amor intenso.
Tem um talento fabuloso, extraordinário e perfeito.
Agradeço a sua solidariedade.
É uma preciosidade humana valiosa pelos valores que defende. Fazem de si ENORME!
Possui uma sensibilidade de eloquência fantástica, aliada a um fantástico poder formativo.
Adorei.
Beijinhos imbuídos de uma amizade sincera.
Com um respeito e estima gigantescas.
Possui uma pureza, encanto e beleza admiráveis.

pena

Bem-Haja, DIVINAL AMIGA ENORME!
MUITO OBRIGADO!

A.S. disse...

Querida Bandys...

Não sei se foi o Merelim!
Sei apenas que os teus dons são um misto de sensualidade, prazer e enigma!...

Beijos...
AL

Pena disse...

Sabe, Amiga Linda:
Numa palavra só: ENCANTA!
Beijinhos mil agradecidos pela sua extraordinária sensibilidade pura e majestosa.

pena

Bem-Haja, a sua beleza é imensa.
MUITO OBRIGADO sentido e sincero.

Daniel Costa disse...

Bandys

Marcos, preceu ser o nome do poeta, nesta sua intervação mostra respirar o amor do mundo. Poderia compara-lo, poéticamente como tu, ou por outra a vossa poesia completa-se num quadro de harmonia. Harmonia que só vilumbra em almas poéticas.
Apresentas mais outro post a embelezar o blogue.
Baijos
Daniel

O Sibarita disse...

PORRETA! Essa moça tá cotadíssima nesse belo e sincero poema, você merece sim!

Pis é dona Bandys o moço disse tudo! hummmm... kkkkk

bjs
O Sibarita

Luma Rosa disse...

Marcos Aprile!! Um fofo apaixonado que encanta e ao mesmo tempo nos põe a admirar sua inteligencia, pois cria ligações inimagináveis!! Este poema eu já conhecia lá do cafofo (Casa do fofo) hahahaha ele vai me matar, chamar ele de fofo - fofo de pessoa carinhosa, espontânea, apesar de parcimonioso com as palavras! :) Beijus,

♥ Ariadne ♥ disse...

Olá... só passando... beijim no teu ♥!

Ari...

Everson Russo disse...

Um beijo carinhoso no seu coração pra desejar um lindo final de semana, cheio de paz e muito carinho e dizer...."...E vinte nove anjos me saudaram e tive vinte nove amigos outra vez."