terça-feira, 30 de novembro de 2010


Anjo incandescente
Se deixasses de escrever, meus olhos se apagariam,
é através de tua boca que eu vejo!
É nas tuas palavras que o meu mundo gira
em voltas suaves e em torno do nada em cima do tudo
prenhe das esperanças que nele copulas.
Se deixasses de escrever, prosa ou poesia
nada mais existiria e minha alma morta,
seria sem beijo e sem voz
numa eterna agonia.

..sou o anjo que te beija nas madrugadas derretendo sua lágrima...
pra que teus olhos adormeçam com luz, na madrugante escuridão. (Bandys) ♥

26 comentários:

Déia disse...

nunca deixe de escrever então, de por em palavras esse amor do seu coração!

bj

orvalho do ceu disse...

Olá,querida
"Se deixasses de escrever, prosa ou poesia nada mais existiria "...
Escrevndo a gente é muito mais feliz... escreve, então!!!
Abraços fraternos e bjs de paz.

Sueli disse...

E que viva sempre de amor esse anjo que existe em ti! Beijão!

Everson Russo disse...

Que esse anjo jamais deixe de escrever o amor, os desejos e sonhos,,,que jamais se cale essa alma inquieta....beijos e beijos de lindo dia pra ti...aqui,,,chove chuva,,,bom demais.

dear sarah disse...

Lindo e intenso, parabéns!

SAM disse...

Querida amiga,


este poema é maravilhoso!!! Belíssima inspiração. Adorei!


Beijos com carinho.

Lis disse...

Que coisa gostosa de se ler...
Esse anjo é você, inspirador...
Beijos lindona ;)

Anna disse...

Bandys, Anjo de Luz,

Depois de habituarmos a escrever, quando não o fazemos, sentimo-nos sem vida...

"sou o anjo que te beija nas madrugadas derretendo sua lágrima...
pra que teus olhos adormeçam com luz, na madrugante escuridão."

Profundo, de uma sensibilidade impar.
Tenha um lindo dia, amiga poetisa!

Tatá disse...

muito forte, gostei demais, tanto do texto quanto daqui. :)

Joe B. disse...

O anjo que arrasta legiões. Sou crente naquilo que me toca de alguma maneira, sou crente em você, bem mais do que em mim, ao escrever.

Lys Fernanda disse...

"É nas tuas palavras que o meu mundo gira..." Sinto-me assim com voce. Beijos querida.

Arsênico disse...

Que bom que continuas a escrever!

***

;-D

VIDA E LIBERDADE disse...

Suas frases, lindas, penetram dentro de mim, e como esse fogo da imagem, queimam gostosamente meu coração, que pulsa, ardentemente...
Meus sonhos, se remexem, transformando em visão, aquilo que para mim, era fantasia, sem nexo...
Bandydinha... você escreve MUITO!!!!
Eu adoro ler você...

Beijos em chamas...

Lisa

Anonymous disse...

eliane
Amigo é um Anjo que está sempre ao nosso lado mesmo que na distância.
É aquele que compartilha nossas alegrias e minimiza nossas tristezas.
É aquele que se cala nas horas certas e dentro desse silêncio nos diz tudo...
É aquele que nos aceita, não pelo que temos mas pelo que somos!
Amigo verdadeiro é Anjo, é Paz, é Tudo.
seu blog estar lindo!!!!
obrigado por tudo
beijos
claudia

Sonhadora disse...

Minha querida

Hoje passo apenas para te oferecer o meu selinho de 400 seguidores...um marco de amizade.

beijinhos com carinho
Sonhadora

Tânia T. disse...

Aahh... adoro demais suas palavras!!!

Amei..

Perfeito!!

Bjão =*

Everson Russo disse...

Um dia recheado de carinho e muita poesia pra ti querida...beijos e beijos.

dear sarah disse...

Tenha uma ótima quinta-feira querida.

Daniela Filipini disse...

Lindo, lindo.

A.S. disse...

Querida Bandys,

Deixo que as minhas asas de anjo me envolvam, até que surja um beijo inspirador, que te faça escrever amor...amor...amor...
Depois, adormecerei com a luz dos teus olhos!:)


Beijos!
AL

Sanzinha disse...

Oi, Bandys!

Que delícia ter um anjo pra trocar amor!
E amar assim nos inspira mesmo a escrever lindos versos. :)

Beijo grande pra vc!

Agora que estou te seguindo, voltarei com mais frequência.

Ana Luiza F. disse...

lindo demais, minha querida Bandys!!"É nas tuas palavras que o meu mundo gira...". Uau!! Achei lindo demais e tocou meu coração pra valer! Bj enorme

Mario Neves disse...

Oi menina dos versos incendiários de tanta paixão e sedução. Nunca deixes de escrever, sua palavras não são simples vocábulos e sim o alimento das paixões, o lume para as madrugadas frias de amor, Seu versos são naves que circundam o mundo da emoção e dos desejos. Escreva, sempre...sempre. escreva com as mãos, com lápis, caneta, escreva com amor e paixão, se quebrarem o seu teclado, se quiserem te oferecer o revés se atarem as suas mãos, escreva com os pés...Mas escreva! Saudações Natalinas - Mario Neves

Lidi Dias disse...

Lindíssimo !!
Beijos na Alma

Espaço Aberto disse...

Anjo ardente...
Nosso blog conta hoje com a entrevista do ator Eduardo Tornaghi.
Venha conferir e deixar o seu recado!
Um abraço carinhoso

► JOTA ENE ◄ disse...

ººº
Não te deixes encandescer, continua a escrever...