segunda-feira, 11 de julho de 2011


E no encontro dos nossos olhares
A minha boca te enlouquece...
Tuas mãos grudam em meu corpo
Teus desejos não se contem...
Eu me sacio e deixo escorrer
Pelos meus poros um pedacinho de ti.
Descansada minha alma se deita no
Teu corpo..envolvida pelos nossos sonhos
E então sinto a paz do nosso amor.

..deitamos entre as estrelas, nos cobrimos com
a lua, e transformamos a madrugada somente nossa. (Bandys) ♥

13 comentários:

O Sussurrar do Corpo disse...

Um sussurro...

Everson Russo disse...

Sintonia de amor, encontro, toque, paladar, beijo, corpos que se grudam em sintonia,,,suas poesias são assim,,,uma viagem longe,,,lá na linha do horizonte de tão lindas...

p.s. claro que sei porque o filme de Agenor foi feito primeiro, eram fases de testes dos grandes nomes, agora chegaram ao imenso nome da musica,,,,rs,,rs,,e com um agravante, Agenor teve um filme sobre a vida dele,,,claro, muito merecido e eu gostei do filme, apesar de voce não me acreditar muito, mas eu ouvia e ouço muito mestre Agenor até hoje, ele é bom, só que Renato, é mais e mais, e completando,,,Renato tem um filme sobre a vida dele,,,e outro do Faroeste Caboclo...é mole? menino bom esse né??? rs..rs..não é a toa que é o primeirão, e pra minha surpresa, ja te disse, Agenor tá em quarto...

Quanto a namorada,,,oooooopa...me espera que to indo pro Rio....rs..rs...

beijossssssssssssssssssss

Retalhos da Sol disse...

E que o sol amanheça "bandydão"!!!! ;)rsrrs

Bjossss...enSOLarados.

Majoli disse...

Ai que saudade dessas sensações todas, são sempre deliciosas e inesquecíveis.

Beijos querida Bandys.
Saudades.

Márcia disse...

que delícia....essa paz que vc transmite na Poesia.


Linda terça pra vc...beijos!

Everson Russo disse...

Um dia todo lindo pra ti querida...beijos e beijos...e..."quando eu estiver cantando,,,cante comigo..."

Joe B. disse...

Encontrar as palavras certas e colocá-las na ordem correta, coisas que eu nunca consegui fazer, me ensine você.

José disse...

Agora sim, que essa paz esteja connosco, e os cabelos da cor do mel, mais perto de mim.

Um beijinho doce,
José.

Pena disse...

Estimada Amiga:
Admiro a sua coragem extraordinária.
"...Descansada minha alma se deita no
Teu corpo..envolvida pelos nossos sonhos
E então sinto a paz do nosso amor..."

Admiravel, o seu sentir.
Normal e um comportamneto e uma atitude poética notável.
Bem-Haja, pela sua amizade.
Abraço amigo de respeito pelo que concebe de maravilhar seu e das pessoas.
Sempre a admirá-la

pena

SAM disse...

Querida amiga,

Amar, amar e amar! E lindo assim...


Beijos com carinho

Cacau disse...

Oi,Bandys
Encontrei seu Blog linkado em outro amigo.Adorei!!!!
Seus versos são doces e ao mesmo tempo eróticos e belos.Como eu gosto!vou voltar!
Bjus

Lys Fernanda disse...

Senti saudades das suas palavras... *-*

Everson Russo disse...

"Ainda que eu falasse a língua dos homens e a língua dos anjos, sem amor eu nada seria..."...super beijo de lindo dia pra ti menina dona da poesia...