domingo, 17 de julho de 2011



Vem...

Chega bem juntinho

Abraça com carinho

Cola teu corpo no meu.

Encosta teus lábios com jeitinho

Me da um beijo molhado

Sussurra coisas de amor.

Vem, me tira do sério

Que te deixo louco

Vem, vamos fazer nosso amor...

Amor gostoso, só nosso!

Nosso amor... Vem...

...o nosso amor renova toda a inspiração das
nossas almas e dos nossos corpos. (Bandys) ♥

22 comentários:

Sonhadora disse...

Minha querida

Um poema embebido no perfume do amor, adorei e deixo um beijinho com carinho.

Sonhadora

EU SOU NEGUINHA disse...

Esse renovar faz a alma querer mais e mais...
Beijos

Thomas Albuquerque disse...

Bandys

Se eu fosse contar aqui a história de como a escrita surgiu em minha vida, daria um trabalho enorme..foram muitas experiências, muitas idéias, referências, contatos..enfim...minha postasgem foi um pequeno resumo de como isso começou em minha vida.Os 4 livros da foto escrevi junto com meus amigos de escola, com o apoio de um professor que era literalmente um "monstro" de tanto amor que tinha pelo o que fazia...e acabou dando nisso de lá pra cá, nunca mais parei.Que bom que gostou...esses versos me são preciosos.

Seu texto é lindo...quem não sonha com um afago desses, cheio de amor e carinho?

Até mais...beeeeijos

Antônio Lídio Gomes disse...

Muito lindo seu blog, essência de tua feminilidade.
Poemas de amor, sensuais e encantadores, refinados e de bom gosto.
Lindo. Um fraterno abraço. Beijos.

Daniel Costa disse...

Bandys

Ao ler o te presente poema ocorreu-me trautear a presente um pouco desta canção: "anda abraça-me / beija-me /encosta o teu peito ao meu".

http://www.youtube.com/watch?v=m1ZnSP9l84c

Podes ouvir.
beijos

Rafael Castellar das Neves disse...

Eita...que delícia de texto!

[]s

Everson Russo disse...

Assim é tão bom, tao suave,,,cheio de amor,,,de toques, de desejos,,,vira poesia de pele...beijos e beijos de boa semana pra ti.

José disse...

Eu vou acrescentar mais um pouco à canção
do Daniel Costa.

"Anda abraça-me e beija-me
encosta o teu peito ao meu
esquece o que vai na rua
vem ser minha, eu serei teu"

Cheguei bem juntinho
aqui arrumado ao computador
esperando o teu carinho
e um pouco do teu amor

beijinhos,
José.

Franzé Oliveira disse...

Amar ahhhh Bom, muito bom.

Majoli disse...

Ai, ai, ai...quanta entrega nessa sua poesia Bandys.
Amar assim, é levitar.

Beijos com carinho no teu ♥

Daniel Costa disse...

Bandys

Abre, por favor, no you tube, Gigliola Cinquenti, aposto que gostas.
Beijos

Tânia T. disse...

O amor se renova a cada dia...


s2s2

bjuu

Mario Neves disse...

“Ah, sim, a poesia...” Que seria da vida sem poesia? Que seria a vida sem amor? Que seria do poeta em suas manhãs, tardes e noites no ócio, sem alma e sem ter o que compor? Que seria da emoção sem os vocábulos mágicos construídos na alma e que fervem nas veias? “Ah, sim a Poesia...” Esta sensação de viver com os os olhos e simples leitura as sensações e o sentido de um amor que nos toma num arroubo incontido.Menina Bandys viajei no seu texto e embora não seja eu o alvo de seu poema, me senti amado completamente. Saudações Poéticas - Mario Neves.

Everson Russo disse...

Um dia todo lindo pra ti menina,,,beijos e beijos...

Daniel disse...

Que lindo poema princesa!
É sempre muito bom passar por aqui e conseguir ler suas preciosidades, sabe? Admiro muito sua imensa capacidade de gerenciar as palavras fazendo o que quer com elas, deixando sempre um tom afetivo e delicioso de se ler. Você consegue beber vinho e comer cereja ao mesmo tempo, ficando embebida em um tom doce, que repassa para gente. Eu consigo sentir o aroma dos seus versos daqui de casa, bem longinho, ao som de Jesse McCartney. Parabéns, seu blog está cada vez mais impressionante, principalmente pelas palavras lindas que tu trazes nele. Beijos,

Dan

Edson Marques disse...

Flores...

Sandra disse...

Delicia de poema amiga.
Linda postgm..
AmigaVirtual...
Sua presença sempre tão Carinhosa, me deixa muito feliz. Nos conhecemos A MUITO TEMPO,outros amigos acabo de conhecer, porque a net é isso, uma grande teia onde as aranhas somos cada uma de nós que vamos tecendo as redes, até hoje a nossa amizade perdura. Ela me deixa sempre muito feliz. Sei que nem sempre há tempo disponivel para retribuir, até porque muitos amigos já conquistei e outros estam vindos, e se torna dificil visitar todos no mesmo dia, mas sei que nem sempre posso vou até seu blog, para retribuir os carinhos aqui deixados. Mas sei o quanto é significativa a nossa amizade. Tem carinho e Respeito. Muito obrigada pela sua/nossa amizade. Dia 20 de Julho é dia do Amigo e nada melhor que vir pessoalmente dizer: Muito Obrigada Amigo(a) pela sua Companhia.
A casa da CURIOSA está sempre de braços abertos para receber os AMIGOS ESPECIAIS: VOCÊ!!!
Obrigada do fundo do meu coração pelo carinho..
Amigos são feito para morar dentro do lado esquerdo, bem pertinho ou melhor..dentro do nosso CORAÇÃO..
Muito Obrigada, e FELIZ DIA DO AMIGO.!!!
"AMIGOS SÃO PATRIMÔNIOS QUE CONSTRUIMOS, SÃO INDESTRUTÍVEIS".
AMIGOS merecem aplausos, por isso venho lhe aplaudir com muito carinho. Pois os aplausos traduzem, afeto, aceitação e aprovação e além de tudo aconchego.
Desejo a você amigo(a) um dia muito especial..
Que a telinha Virtual possa levar até você o calor um aperto de mão muito carinhoso e abraço afetuoso pelo nosso DIA: DIA DO AMIGO...
COM MUITO CARINHO,
SANDRA

ONG ALERTA disse...

Amar á mágico, beijo Lisette.

Joe B. disse...

techteste@hotmail.com no msn

Everson Russo disse...

Amigo (a) é porto seguro, é riqueza infinita, é conquista serena, é flor que nasce pela manhã com orvalho nas pétalas,,,super beijo de feliz dia do amigo pra ti querida,,,obrigado pela sua amizade...

E nada melhor pra combustivel de uma amizade do que uma implicanciazinha pra apimentar...rs..rs..rs...e outra coisa, num Show, Renato chamou Cazuza de poeta, eles eram amigos....beijos...

Desnuda disse...

Amiga,

Que chamego bom!!! Linda poesia. Obrigada.

Beijos com carinho

Joe B. disse...

Inspiração e transpiração, renova mais, se refaz em querer e se expande em ter. Esse amor que não é ter que ter sempre certeza e aceitar as delicadezas que nossos defeitos têm.

Se chamar de mais acabo indo, de olhos fechados, mergulhado no desejo de estarmos junto.

Faz-me transpirar que te faço inspirar.